A obsessão pelos phablets é tamanha, que agora (quase) todos os smartphones são phablets. E o cenário se agrava com os novos designs de smartphones (quase) sem bordas, com telas de 6 polegadas em dispositivos com corpos de 5.8 polegadas.

A pergunta é: por que não aproveitar as telas sem bordas para dispositivos mais compactos?

E o Google Pixel 3 pode ser a resposta.

Os inúmeros vazamentos do Pixel 3 e do Pixel 3 XL nos trouxe algumas verdades sobre os dispositivos. Falando do Pixel 3, vemos um dispositivo que não tem um notch, mas entrega uma tela quase sem bordas, além de uma única câmera traseira e duas câmeras frontais, teoricamente pensadas em um melhor reconhecimento facial.

O melhor de tudo isso é que o Pixel 3 possui bordas de tela bem menores que as presentes no Pixel 2, mas com uma tela bem maior (5.5 polegadas, contra 5 polegadas do Pixel 2). Uma diferença notável, convenhamos.

 

 

Ter uma tela de 5.5 polegadas em um corpo de 5 polegadas é uma bênção para quem não quer um dispositivo tão grande no bolso. Hoje, temos um Galaxy Note 9 com monstruosos 6.4 polegadas, que podem ser incômodos para muita gente.

Vale lembrar que, em 2011, o primeiro Galaxy Note era chamado de “sapatofone” (ou Havaianas pelos mais maldosos) por contar com uma tela de 5.3 polegadas. Hoje, é difícil achar smartphones com menos de 5.5 polegadas, e a maioria dos fabricantes se aproximam (e superam) as 6 polegadas, sem qualquer pudor.

 

 

Logo, o Pixel 3 parece ser uma agradável surpresa. Em um mundo onde tudo indica que não voltaremos atrás nas telas maiores, ter um novo dispositivo arriscando em telas menores é algo muito bem vindo.

Hoje, o iPhone SE é uma excelente opção para quem quer um smartphone com tela compacta, mas não é atualizado desde março de 2016. O iPhone 7 e iPhone 8 de 4.7 polegadas eram compactos nas diagonais, mas suas enormes bordas aumentavam o seu formato.

No Android, o Xperia XZ2 Compact é um dos principais representantes dessa categoria, mas tem poucos concorrentes entre os tops de linha. Na linha média, o Nokia 5.1 (5.5 polegadas) e o Xiaomi Mi 6 (5.15 polegadas) são duas das melhores opções.

 

 

Porém, poucos fabricantes aproveitam para oferecer modelos top de linha com bordas reduzidas. O Pixel 3 pode abrir um novo segmento de mercado que pode agradar a muitos.

Vamos aguardar.