twitter

Donald Trump usa sua conta no Twitter como forma de ameaçar o mundo com posturas birrentas. Isso se tornou tão alarmante, que Mark Hamill (sim… Luke Skywalker) tentou comprar o Twitter para expulsar o presidente dos EUA da rede social.

Porém, tudo isso é culpa de um círculo vicioso das redes sociais, e da ignorância dos próprios usuários. De acordo com Evan Williams, um dos co-fundadores do Twitter.

Evan compartilhou seu peculiar ponto de vista sobre a cultura das redes sociais e sua espiral degradante, o que facilita com que pessoas como Donald Trump ocupem posições de poder.

Para ele, o mais importante é a qualidade da informação que as pessoas consomem, pois a tendência é que pessoas imbecis reforcem crenças perigosas, isolando as pessoas e limitando a abertura da verdade para todos.

Citar os tweets de Trump ou qualquer coisa mais absurda é uma forma efetiva de explorar o pior das pessoas. Para Evan, isso está tornando o coletivo mais imbecil e menos inteligente. E Donald Trump é apenas um sintoma disso.

Williams afirma que os curtos lapsos de atenção dos usuários nas redes sociais são respaldados pela publicidade online dentro das plataformas, mesmo que liberem conteúdos a cada minuto, em busca dos cliques que geram lucros.

A única saída aparente é que os usuários mudem o seu comportamento por um mais proativo na busca de conteúdos confiáveis, posicionando notícias que beneficiam a todos, com a finalidade de exterminar das redes sociais personalidades como Donald Trump.

É isso… ou ficamos do jeito que estamos.

 

+info